11 de dezembro de 2008

E viva o ordinário!


"O ordinário é extraordinário"

“É fácil encantar-se com aquilo que é natural, porque se passar um boi voando todos vão olhar. Olha, tem um bezerro voando ali, todos vão sair para ver. É fácil falar do extraordinário, mas admirar aquilo que é ordinário... O copo d’água, a vida familiar, a cozinha arrumada, o almoço sendo preparado, a campainha da porta, a vida. Isso que nos é dado a todos, aí mora a graça, aí mora a metafísica, aí mora a poesia."

(Adélia Prado)

Sempre vi beleza na simplicidade. No dia-a-dia, na rotina, na bandeja em cima do meu armário de cozinha.

Mas claro que nem todo mundo vê as coisas assim. Normal, as pessoas são diferentes.

É que esse assunto surgiu nos comentários do último post. A Mónica comentou do prazer de oferecer um presente feito à mão e o fato de sentir que está oferecendo pouco, porque aquilo não custou muito dinheiro, só trabalho e intenção. É comum sentirmos isso.

Mas acho que com o tempo a gente aprende a selecionar as pessoas que vão apreciar um presente assim e não vão nos fazer ficar com esse sentimento de "culpa".

Esta semana meus pais completaram 36 anos de casamento. E parte do meu presente foi esta toalha bordada, que com certeza vai ser muito bem aproveitada e apreciada pela minha mãe, porque foi feita ponto a ponto com as melhores intenções do mundo:


Achei que ficou interessante a mistura de antiguinho com moderno.

Minha inspiração maior veio da Claudia, que bordou lindamente e ainda acrescentou um verso de canção ao bordado. Achei linda a idéia!

Ponto simples. Simples ponto.

Free pattern do Pimp Stitch.

(Como têm me perguntado bastante a respeito do bordado livre, estou pensando em fazer um passo-a-passo; que tal?)

11 comentários:

Nilda Biagio disse...

Olá Claudia
Que trabalho lindo e delicado!!!Sua mãe vai adorar!!
Bj
Nilda

Anônimo disse...

Lindo mesmo.
Vc sabe o qto eu gosto dos seus pais, da sua família.
E o qto eu gosto de ganhar coisas feitas por vc...
Viva o ordinário!
Bjs e bom findi
Rose(berta)

Anamir disse...

Olá Claudia,
Tens toda a razão. A beleza de quase tudo está na sua simplicidade.
Em reposta ao teu post remeto-te para a citação que tenho no m/blog e que é um pequeno poema de Ricardo Reis. Quando puderes vai lá e lê.
Até breve
Anamir

Eliana disse...

Oi Cláudia
Lindo, delicado, primoroso. Um encanto!!!
Sim. Viva o ordinário! Sou mais uma a me encantar com ele.
Sabe que bordado livre foi a 1ª técnica que aprendi, aos 8 anos?
Há muito não bordo. Tenho planejando um redwork que nunca sai dos planos. rsrs
Minha mãe borda umas coisinhas bem singelas... panos de prato, toalhas. Tenho alguma coisa postada, lá no início do blog.
Sua mãe com certeza, adorou o presente.
Bom domingo, querida.
bjooo
Eliana

katia disse...

Vou amar seu PAP , estou sempre por aqui , e com vc aprendi bastante , bjos Um feliz Natal e um 2009 repleto de Idéias ^.^

Graficos ponto cruz disse...

Menina, vc esta coberta de razao!! As coisas simples e rotineiras sao dignas de serem admiradas, mas infelizmente nem sempre fazemos disso uma razao. Vou esperar ansiosa pelo PAP dp bordado livre.
Beijocas e uma semana abençoada pra ti e pra todos que te rodeiam!
Bell

eni disse...

Claudia que lindo blog dá vontade de ter um também, mas não me atrevo deve ser muito complicado, mas adorei o seu tão clarinho, maravilhoso, FELIZ NATAL E PRÓSPERO ANO NOVO! Abraços.

Mayra Lacerda disse...

olá Cláudia!!!
Obrigada pela visitinha!!!
Volte sempre que quizer!!!
Adorei seu blog!!
Beijinhos!
xau

Vanessa Guerra disse...

tens trabalhos tao lindos amiga... obrigado por visitares o meu blog de graficos.. fazes bem em ir dando sempre uma volta por todos pois eu nao os coloco por ordem de postagens.. coloco por ordem de coisas.. acho mais facil.. criei aquele blog apenas para guardar os esquemas que mais gosto e que vou tentar fazer um dia lol... mas já sao tantos que era preciso muitas vidas lol... beijocas enormes

Márcia disse...

Viva!!! Que lindo esse post. Sábias palavras da Monica. Gosto muito da Adelia Prado...

Déia Mota (Srta Pooh) e Chef Mota disse...

oie ai como ficou lindoooooooo
acho que é uma das artes que ainda naum tentei mas ando com muita vontade de fazer ^^
quem sabe aprendo com vc ^^
ai com toda a certeza ela amou esse maravilhosos presente...é eu sempre sei a quem presenteio com minhas artes, taum gostoso ver que a pessoa se encantou com os minimos detalhes né hihi e a sensação que parece pouco logo some hihihi
bjinhos e parabéns pelo lindo trabalho