4 de dezembro de 2007

Toalhinha de Natal

E não é que o Natal está chegando? E com ele todos os dourados, estrelhinhas e brilhos que se possa imaginar; e tantos gráficos e idéias de coisas fofas, cheirosas e aconchegantes...

A produção artesanal aqui em casa não está lá essas coisas, não. Poderia estar bem melhor...

Por enquanto só bordei esta toalhinha branca para minha sogra, em ponto cruz.

Não sei vocês, mas eu tenho calafrios só de pensar em bordar com essas linhas metalizadas, como a dourada que usei. Elas enroscam, dão nós inimagináveis e são crespas; mas o resultado não tem igual... então resolvi tentar uma dica dada por uma colega de artesanato da minha mãe: molhar a tal da linha! E não é que funcionou???!!! Não é nenhuma brastemp, mas melhora demais o trabalho!


É simples: vc coloca um pouquinho de água num pote e vai passando com os dedos por todo o comprimento da linha já cortada no tamanho certo: também é importante não usar linha muito comprida (linha de preguiçosa, como diz minha avó), porque senão lá vem enrosco!!

Outra maneira é passar um algodãozinho molhado e assim resolve-se o impasse.



A toalhinha, na verdade, pode servir como jogo americano; mas no caso de minha sogra, avessa a essas modernidades, preferi fazer uma apenas para alegrar a cozinha.


2 comentários:

Cláudia disse...

Olá amiga!
Eu também tenho um "medo" danado dessas linhas... estrago mais do uso... vou experimentar a técnica da àgua...
Beijinhos, Cláudia

Lua disse...

Olá Claudia

Quanto a linha dourada que é horrível de trabalhar, aprendi com a minha prof de bordado juntar uma linha na cor caramelo.
Sabe que fica muito bom trabalhar assim.

Bjks
Lua