27 de novembro de 2011

Inspirar e ser inspirada...

Às vezes, lendo alguns comentários deixados aqui no blog, eu mal acredito em como as coisas vão acontecendo: há quem diga que fica ansiosa, à espera do meu próximo post! E na hora eu penso na sensação que alguns blogs, minhas leituras quase diárias, me transmitem. No quanto é bom ser contagiada por ideias novas, ou pela vontade de criar, ou de organizar a casa, testar uma receita diferente ou de conhecer um autor ou livro citado; ou simplesmente de ser tomada pela beleza de alguma imagem ou texto que te faz ficar com aquela sensação boa, de estar mais leve ou de bem com a vida! É isso que meus blogs favoritos fazem por mim e eu nunca pensei que um dia pudesse fazer um pouquinho disso com algumas pessoas tb! :)


Bom, mas falando de criar e de inspirar, venho mostrar o conjuntinho de bebê que eu tinha dito no último post:


Um gorrinho e par de botinhas em tricô para o bebê de uma colega de trabalho. Ela está só de 3 meses, então ainda não sabemos o sexo. Por isso, a escolha do branco. Pra mim é superdifícil fazer coisas neutras. Sempre acho que as coisas se parecem com menino ou com menina...








A escolha do botão (que eu já tinha em casa, na minha famosa lata, claro!!), por exemplo: eu fiquei dias pra me decidir, porque achava todos eles um tanto femininos. Mesmo este, pra falar a mais pura verdade, eu acho que é mais pra menina... Mas como cismei que queria usar de madeira, acabei optando por eles. O que vcs acham? Podem ser sinceras!





O modelo do sapatinho é muito simples e eu já tinha feito uma vez aqui.



Sapatinhos Bernat, traduzidos pela Olívia aqui.




Gosto dele porque é fácil de tricotar (muitas receitas eu não entendo... "fazer os pontos ficarem em espera e tal" me dá arrepios...) e fica muito fofo e "usável".




Aliás, a fofura da vez é o fio Clipper, da Pingouin, um novelo já começado que eu tinha no estoque e que usei com um pouquinho de dor no coração, pois ele não é mais fabricado e era o meu último branco!



Mas claro que algo tinha que acontecer pra mudar os meus planos: o fio não deu pro gorrinho todo (e de tempos pra cá vcs sabem que eu me recuso a dar algo pra bebê que não seja conjutinho... rsrsr...). Enfim, fiquei muito brava, porque não tinha mais como encontrar o fio; deixei parado por vários dias e então tentei o que tinha tudo pra dar errado: continuar com a lã Desejo branca que eu tinha em casa! E não é que funcionou?! Claro que olhando muito de perto e num ambiente claro, dá pra perceber a diferença na cor e no ponto, mas como o fio foi trocado só no topo, ficou quase imperceptível!

O gorrinho é uma adaptação que já fiz diversas vezes. Vc pode ver alguns aqui e aqui, por exemplo. Mas dê uma olhada no marcador "Tricô" que tem mais!



Coloquei 80 pontos nas agulhas retas 3,5 (acho que o tamanho fica bom pra 1 mês em diante).



Tricotei em meia por mais ou menos 12 cm e então comecei as diminuições do modo como aprendi com a Vicky, aqui. Claro que há outras maneiras bem mais elaboradas e com visual menos repuxado em cima, mas confesso que quando aprendo de uma maneira, acabo tendo preguiça de tentar outro... Que Feio!!!



Atrás, fica aquela costura que ninguém gosta. Mas infelizmente não sei trabalhar com agulha circular neste caso. Até sei trabalhar o corpo do gorro, mas depois, na hora de fechar, tem que ser com agulhas de duas pontas e então eu desanimo... :(



E quanto ao I-cord (este cordãozinho no topo que eu amo), posso explicar como fazer com agulhas retas. Mas isso vai ficar para a próxima. Que tal?



E ainda está faltando um peça pra este conjuntinho, que está sendo feita hoje. Se tudo der certo, devo terminar e mostrar logo! Sim, porque preciso dar andamento a uns enfeitinhos natalinos crochetados que são uma lindeza! Afinal, esta semana já temos dezembro batendo à porta!




Uma ótima semana a todas!

12 comentários:

Mare disse...

super cute:))....
M

aaa disse...

Cláudia
Linhas imaginárias é de esperar com ansiedade sempre.Seus trabalhos são lindos e sua boa vontade é contagiante. Estou ansiosa pelos enfeites de natal em crochet.
bjs Regina Nazare

Vanessa Biali disse...

Oi, Cláudia!
Tudo bem?
Trabalho fofo este seu!!!
Desculpe a pressa em comentar. Os dias andam muito corridos por aqui!
Deixo a dica pra vc pesquisar: pesquise pelo trabalho em agulhas circulares com a técnica do "laço mágico". Tem vídeos no Youtube. Substitui o uso de agulhas de duas pontas em circunferências pequenas. Acho o laço mágico bem mais interessante e simples de usar!
Bjs,
Vanessa

Silvana disse...

Claudia, com certeza você é uma fonte de inspiração pra mim, e fico ansiosa para ler seus posts novos, já estou aguardando esse método de fazer icord com agulha retas!!
Adoro seus trabalhos , o jeito que você escreve,e sua boa vontade em compartilhar.
Beijos!!

luty disse...

Claudinha,vc sabe que eu amo seus trabalhos, né? Tudo que vc faz tem um toque divino, acredite. Conjunto lindo! Beijo grande em seu coração e saúde pro filhão!

Dudis disse...

Olá, ficou muito mimoso esse conjunto, de certeza que a futura mamã vai adorar, o branco é sempre a melhor escolha quando ainda não se sabe o sexo do bebé.
Boa semana, bjos doces

disse...

Um charme esse conjuntinho e branco é tudibom!
Achei os bot]oes bem unissex, fica tranquila.

bjinhos

Rita disse...

Cara Cláudia,

Apesar de sempre passar por aqui eu raramente comento, no entanto hoje não poderia deixar de dizer que muitas vezes passo no "linhas imaginárias" e "oh, ainda não foi actualizado!". É muito bom ver os teus trabalhos, tirar ideias, aprender novos receitas ou pontos, enfim... ou simplesmente admirar alguma coisa linda que tenhas feito! Por tudo isso, obrigada! bj* (ah...estou como a aaa, ansiosa pelos enfeites de natal!)

Anônimo disse...

Oi, Claudia!
Pelo jeito,todo mundo fica com aquela ansiedade de algo bom que vai se aproxima....suspiros rs.
Hehe! Hoje tenho outro segredinho pra contar...eu dou risada e me sinto solidarizada quando vc fala dos seu amor, desvenduras e cofidencias do tipo: tenho medo de decotes e cavas...quando aprendo uma técnica; fico com preguisinha de usar outra!
Sabe eu gosto de trabalhos com fios médios, mas ultimamente....pela rapidez ate to pensando em uns mais grossos pro tricô e o bom do crochê e que da pra usar uns mais finos e mesmo assim ganhar tempo com delicadeza.
E bom quando vc fala, porque algumas podem se sentir na mesma situação....mas vão ser insentivadas a continuarem, porque o tricô e o crochê tem que ser mais que aquele desafio, tem que ser uma terapia...
Abraços!
Simone ;D

Márcia disse...

Claudia, de fato deu blog me inspira muito além de me trazer uma paz, uma boa energia, sabe? Vc faz trabalhos lindos! Vc transmite amor nos seus trabalhos e isso pra mim é muito inspirador! Amei o conjuntinho e esse fio Clipper é muito macio e gostoso. Um beijão!

Márcia Carvalho disse...

.comOi , Cláudia! Adoro passear pelo seu blog já a acompanho há algum tempo.Também sou apaixonada por artesanato e vc me inspira com trabalhos lindos como esse conjuntinho, ficou mto mimoso! Aproveito para convidá-la para dar uma passadinha no meu blog. Está recente, bem novinho mas ficarei mto feliz com sua visita!! Bjos!!!
http://ateliegirasole.blogspot.com

ELENA disse...

Olá Claudia!branco e sempre branco, chick né? também comecei fazendo roupas neutras porque não sabíamos o sexo do baby agora desembestei com as coisas de menina, gostei do conjuntinho ficou classudo.BJO!